Diam Origine, nova rolha usa cola natural

20/03/2017

A Diam lançou uma nova rolha de aglomerado que usa uma cola à base de plantas e enchimento de cera de abelha em vez de cola de poliuretano e de micropartículas plásticas. O artigo original, escrito por Patrick Schmitt e publicado no site The Drink Business foi traduzido por Marcello Borges, diretor da ABS-SP, especialmente para a Artwine


A Origine, a nova rolha da DIAM, usa materiais naturais


Chamada Origine pela Diam, o novo fechamento incorpora uma emulsão de cera de abelha e uma cola composta por polióis 100% vegetais, com lançamento feito ontem na França.

Falando a participantes da indústria de bebidas na segunda-feira desta semana, diante da grande apresentação na fábrica da Diam na cidade de Céret (sul da França), ontem, o diretor de vendas Bruno de Saizieu disse que a inovação em fechamento foi motivada pela demanda dos produtores por um fechamento aglomerado mais "natural".

Embora tenha dito que o sistema tradicional de fechamento da Diam, que emprega micropartículas de acrilato para preencher os minúsculos espaços de ar no fechamento de aglomerado, bem como uma cola de poliuretano para unir-se à rolha de base, tenha "sido aprovado por todos os regulamentos", ele acrescentou que alguns "queriam mais naturalidade".

Explicando os componentes do fechamento, ele disse que toda rolha aglomerada tem três partes: a rolha, o adesivo e micropartículas, acrescentando que, embora a rolha não tenha mudado, o adesivo na Origine é 100% feito de polióis vegetais, enquanto as micropartículas são feitas com cera de abelha.

Continuando, enfatizou que o novo fechamento não foi projetado com vistas a substituir as rolhas aglomeradas de Diam, mas acrescentar um modelo a essa gama de produtos da empresa, bem como atender ao desejo específico de uma solução mais "natural". Com efeito, acrescentou, "Acreditamos que, no futuro, a demanda por produtos naturais vai aumentar".

Quando lhe perguntaram sobre o desempenho da nova rolha aglomerada, Bruno disse que a elasticidade da Origine é a mesma que a do fechamento Diam padrão, pois a quantidade e o tipo de rolha empregados no fechamento são os mesmos.

Quanto à taxa de transmissão de oxigênio (OTR, em inglês) do novo produto, não foi afetada pelo uso de materiais diferentes – a Origine pode ser adquirida como Diam 10 e Diam 30, com números que se referem ao tempo pelo qual o fechamento é garantido, ou seja, 10 ou 30 anos (e este último vem com "características de permeabilidade muito baixas", sendo "particularmente adequado a vinhos de guarda", segundo o material de divulgação da Diam).

A Origine da Diam inclui preenchimento de cera de abelha e adesivo 100% composto por polióis vegetais



"O micropreenchimento é empregado para evitar que qualquer líquido entre na rolha; agora, usamos cera de abelha (no lugar de polímeros plásticos), mas o resultado é o mesmo – embora seja muito mais caro", disse Bruno.

Malgrado o Origine da Diam ter sido lançado oficialmente ontem perante a imprensa internacional, o fechamento já fora mostrado a produtores de vinhos nos EUA e na França neste ano, e Bruno disse que a aceitação do novo produto foi notável.

"Em duas semanas, recebemos pedidos de mais de um milhão (de unidades), e imagino que no primeiro ano vamos vender 5 MM", disse a respeito da rolha aglomerada Origine, acrescentando, "Estou surpreso com a velocidade com que foi vendida".

Em virtude do custo superior dos materiais "naturais" usados na rolha aglomerada, Origine é cerca de 33% mais cara do que seu equivalente usando o micropreenchimento e o adesivo comuns: Bruno disse que o preço médio para 30.000 rolhas Diam 10 é de cerca de €300, e que o mesmo número de fechamentos Origine custa uns €400.

Ele acrescentou que "o próximo passo" da empresa é criar uma rolha aglomerada para espumantes empregando os mesmos materiais "naturais".

Além disso, negou que a criação da Origine tenha sido motivada por alegações de que os adesivos de base plástica usados em rolhas aglomeradas podiam transferir substâncias potencialmente cancerígenas ao vinho.

"Não há migração de materiais da cola para o vinho", afirmou, referindo-se aos fechamentos Diam tradicionais.

A Origine da Diam não é a primeira rolha aglomerada a deixar de lado colas plásticas.


Lançada anteriormente neste ano, a Sughera da Labrenta seria a "primeira rolha [aglomerada] sem cola alguma".



Segundo o gerente de marketing e vendas da Labrenta, Riccardo Tiso, o agente adesivo é "um polímero usado na biomedicina que garante a durabilidade do fechamento e é muito mais puro do que a cola".

Enquanto isso, em 2013, a Nomacorc, especialista em fechamentos sintéticos, lançou um fechamento feito, em parte, de polímeros vegetais, para atender à demanda dos produtores por um fechamento que oferecesse alguns dos benefícios ambientais da rolha natural, mas com a consistência de um produto sintético, segundo Jeff Slater, diretor global de marketing da Nomacorc.

Finalmente, deve ser comentado que a rolha usada para a Origine pela Diam passa pelo mesmo processo patenteado, Diamant, que as rolhas aglomeradas da Diam, que trata os grânulos finos de cortiça com dióxido de carbono extremamente quente e pressurizado para remover até 150 moléculas diferentes do material natural, inclusive o TCA, segundo Bruno.

Mas isso significa que a pegada de carbono de uma rolha aglomerada Diam, num processo que consome tanta energia, é superior à de um fechamento screwcap, que, em função do alumínio empregado em sua criação, produz em sua confecção uma quantidade de dióxido de carbono seis vezes maior do que a de uma rolha totalmente natural.

Se quiser ler o artigo original, clique AQUI

Ver outros Artigos e Reportagens
The Drink Business Site dedicado ao mercado de bebidas, com notícias e novidades sobre todas as categorias de bebidas. Seu endereço é www.thedrinkbusinees.com
The Drink Business

Fotos

3
A Origine, a nova rolha da DIAM, usa materiais naturais A Origine da Diam inclui preenchimento de cera de abelha e adesivo 100% composto por polióis vegetais Lançada anteriormente neste ano, a Sughera da Labrenta seria a "primeira rolha [aglomerada] sem cola alguma".

Conteúdo RSS

Visualizar Conteúdo RSS Artwine

Newsletter

Receba nossas novidades por e-mail Cadastrar
2017 Artwine - Todos os direitos reservados